Luzes, Câmara, Reflexão

Um grupo de jovens problemáticos do mesmo bairro é escolhido para ser o elenco principal de um filme durante o verão. Os bastidores da produção do filme, bem como os laços entre os jovens, as suas vivências pessoais e os desafios do realizador, são os elementos que guiam a história. 

Os Piores é um emocionante filme que retrata a vida de um grupo de jovens problemáticos que partilham a mesma vizinhança. Durante as férias de verão, são selecionados para protagonizar um filme, o que lhes proporciona uma oportunidade única. A trama desenrola-se nos bastidores da produção cinematográfica, revelando as complexas ligações entre estes jovens com vidas difíceis.

Preservando o património cultural português no cinema

“Criada em 1996, a Companhia de Teatro do Chapitô tem desenvolvido o seu trabalho, muitas vezes, sem a atenção devida dos seus pares. É a companhia de teatro portuguesa mais premiada internacionalmente. Andámos também para trás e para a história desses 25 anos através das imagens de arquivo, e são

Ao longo da narrativa, o público mergulha nas histórias de vida dos protagonistas, compreendendo as suas lutas, os seus sonhos e os seus desafios. Cada um deles carrega um passado repleto de obstáculos, mas esta nova experiência no mundo do cinema pode ser uma oportunidade para mudar o rumo das suas vidas.

Lise Akoka, talentosa realizadora francesa, é conhecida pelo seu trabalho autêntico e sensível. Entre as suas obras notáveis, destaca-se o filme Would You Rather, que cativa o público com uma narrativa emocionante sobre a busca pela identidade e conexões humanas. Romane Gueret, outra talentosa realizadora francesa, ganhou destaque pelo seu estilo inovador. Uma das suas obras notáveis é o filme Chasse royale, que fascina o público com uma história ousada e envolvente, explorando temas de liberdade e transgressão da juventude. Ambas são referências importantes na nova geração de cineastas em Portugal.

Com momentos de humor, drama e cenas emocionantes, o filme envolve-nos numa jornada emocional, fazendo-nos refletir sobre a importância de dar uma segunda oportunidade àqueles que muitas vezes são julgados como os piores.

Os Piores é a sugestão do Screenings Funchal, numa parceria com os Cinemas NOS e a ACADÉMICA DA MADEIRA, para sexta e sábado, 21 e 22 de julho.

O cliente NOS, portador do seu cartão, tem direito a dois bilhetes pelo preço de um. Se for sozinho, além do bilhete, tem a oferta de um menu pequeno de pipocas e bebida. Vamos aproveitar estas vantagens com mais um momento de grande cinema que o Screenings Funchal proporciona.

Amor sob a Santa Cruz

No final do século XVI, quando o cristianismo vindo do Ocidente foi proscrito no Japão, a Senhora Ogin apaixona-se pelo samurai Ukon Takayama, que é um devoto cristão. O guerreiro recusa os seus avanços, preferindo dedicar-se à sua fé, e Ogin acaba por casar com um homem que não ama.

Convidamos-vos a assistir esta longa metragem com a nossa companhia. Até lá, confira o que lhe contamos no portal do Screenings Funchal e deixe-se ficar com a antevisão.

António Roque
ET AL.
Com fotograma da película de Lise Akoka e Romane Gueret.