Procurar
Close this search box.

Liberdade de Ser

Num verão no País Basco, uma criança de oito anos enfrenta a confusão das pessoas ao seu redor acerca da sua identidade de género, enquanto embarca numa jornada de autodescoberta, acompanhada pelas mulheres da sua família. A mãe, por sua vez, depara-se com desafios ao lidar com a busca de identidade do filho e, simultaneamente, enfrenta questões relacionadas com o seu próprio legado parental.

20 000 Espécies de Abelhas conta a história de uma criança de oito anos, chamada Aitor, que sofre com a forma como as pessoas constantemente a abordam de uma maneira que lhe causa desconforto. Tanto o nome oficial quanto a alcunha, Coco, não lhe parecem adequados, o que o leva a enfrentar um mal-estar em relação à sua identidade de género.

A Arte de Enganar

Na década de 1930, em Paris, encontramos Madeleine Verdier, uma jovem e encantadora aspirante a atriz sem recursos financeiros. Ela é confrontada com uma acusação de homicídio envolvendo um produtor famoso. Com a ajuda da sua melhor amiga, Pauline, uma jovem advogada desempregada, Madeleine alega ter agido em legítima defesa.

Idade da Pobreza

Ikuyo é a patroa de Shizumoto, uma residência de gueixas que emprega quatro outras mulheres. Todas, em simultâneo, vão revelando as

LER MAIS...

A primeira longa-metragem da realizadora basca, Estibaliz Urresola Solaguren, é um drama radioso e sensível. As performances comoventes de Sofía Otero, que personifica a criança em busca de um nome, e de Patricia López Arnaiz, que interpreta a mãe atormentada, sustentam a obra maravilhosamente.

Estibaliz Urresola Solaguren é uma talentosa realizadora basca reconhecida por obras sensíveis e impactantes. O seu filme Cuerdas (2014) aborda a improvável amizade entre uma menina com paralisia cerebral e um menino na escola, destacando temas de inclusão e empatia. Em 2018, lançou a sua primeira longa-metragem Adri, um drama radiante sobre identidade de género e a busca pela aceitação.

O filme também destaca a diversidade de papéis secundários que são essenciais para a heroína, mostrando a variedade de formas de ser mulher. Adotando múltiplos pontos de vista, a realizadora respeita a complexidade da identidade de género, tocando num aspeto menos óbvio da transição: a mentalidade.

Falta-te um par de mamas

Ana percebeu cedo que as raparigas têm tarefas distintas das dos rapazes. Quando a sua amiga Cloé chega do Canadá, trazendo consigo os dias brilhantes da juventude, Ana embarca numa viagem que a levará a atravessar a linha do seu horizonte. Repleta de desejo e liberdade, a luz de Lobo

O Screenings Funchal, em parceria com os Cinemas NOS e a ACADÉMICA DA MADEIRA, sugere o filme 20 000 Espécies de Abelhas, para esta sexta-feira e sábado, 11 e 12 de agosto. Os clientes NOS que possuem o cartão da empresa têm a oportunidade de adquirir dois bilhetes pelo preço de um. Se preferirem assistir sozinhos, têm direito a um bilhete, além de receberem como oferta um menu pequeno de pipocas e uma bebida. Esta é uma excelente ocasião para desfrutar de mais um momento incrível de cinema oferecido pelo Screenings Funchal.

Convidamos-te a assistir a este filme na nossa companhia. Até lá, dê uma espreitadela no site do Screenings Funchal.

António Roque
ET AL.
Com fotograma da película de Estibaliz Urresola Solaguren.

DESTAQUES