Além dos Superpoderes

Num cenário de mutações que convertem humanos em animais, François luta para salvar a sua esposa afetada. Enquanto a região é dominada por essas criaturas, ele embarca com o seu filho numa missão que alterará irreversivelmente as suas vidas.
#image_title

Reino Animal destaca-se como uma experiência cinematográfica única, capaz de provocar uma gama de emoções e deixar uma marca duradoura no espectador. No início, debaixo de um céu caótico, um congestionamento revela não apenas carros parados, mas também as tensões entre um pai e um filho adolescente. A discussão acalorada é interrompida por um evento inusitado: uma ambulância é agitada por um homem-pássaro mutante, desencadeando uma realidade paralela surpreendente.

O pai, em sua busca desesperada para salvar a esposa, confronta também a transformação do filho, Émile. O filme explora temas como adolescência, sexualidade, crise migratória, xenofobia, racismo e o impacto das palavras de ódio, adicionando camadas de profundidade à trama.

Thomas Cailley, nascido em 1979, é um cineasta francês reconhecido pela sua contribuição distintiva para o cinema contemporâneo. Alcançou destaque com o seu filme de estreia, Les Combattants (2014), que recebeu aclamação da crítica e vários prémios. Com uma abordagem única e envolvente, Cailley mantém-se como uma figura influente no panorama cinematográfico francês.

Ao longo de duas horas, somos conduzidos por uma viagem única, pontuada por momentos de riso, lágrimas e reflexão.

Reino Animal é a sugestão do Screenings Funchal, numa parceria com os Cinemas NOS e a ACADÉMICA DA MADEIRA, para sexta e sábado, 1 e 2 de dezembro.

O cliente NOS, portador do seu cartão, tem direito a dois bilhetes pelo preço de um. Se for sozinho, além do bilhete, tem a oferta de um menu pequeno de pipocas e bebida. Vamos aproveitar estas vantagens com mais um momento de grande cinema que o Screenings Funchal proporciona.

Convidamos a assistir esta longa metragem com a nossa companhia. Até lá, confira o que lhe contamos no portal do Screenings Funchal e deixe-se ficar com a antevisão.

António Roque
ET AL.
Com fotograma da película de Thomas Cailley.

DESTAQUES