Estudar em tempo de pandemia

O Arquivo e Biblioteca da Madeira (ABM), a uma curta distância do Campus Universitário, tem neste grupo de estudantes um dos seus públicos mais fiéis. Em tempo de frequências e exames, mas também durante o ano letivo, são uma presença constante na sala de leitura para pesquisar e aproveitar o espaço para estudar.

Eis que, em 2020, chegou um momento inédito na história recente desta instituição. O encerramento de todos os serviços do ABM durante dois meses consecutivos, em virtude da pandemia de COVID-19 que assolou o nosso planeta e decretou o confinamento de milhares de madeirenses no domicílio. Em maio de 2020, o regresso dos leitores ao Arquivo e Biblioteca da Madeira aconteceu, com novas regras.

Um novo horário de funcionamento, entre as 10h00 e as 16h00, a redução dos lugares disponíveis para 1/3 da capacidade e a limitação no livre acesso às estantes, colocaram constrangimentos à permanência dos estudantes e ao usufruto dos recursos da biblioteca. Um espaço antes cheio, tem agora leitores de máscara, com distanciamento social, desinfeção obrigatória das mãos e solicitações de rotatividade. Porque assim nos abrigam estes novos tempos.

Face a esta realidade, as plataformas de pesquisa de arquivo e biblioteca ganham um novo protagonismo. Mas afinal, o que são estas ferramentas e de que forma podem ser úteis aos alunos? A plataforma de pesquisa de biblioteca permite aceder ao catálogo, com todas as espécies bibliográficas descritas na base de dados PRISMA e que constituem o fundo do ABM. Junta os acervos bibliográficos dos extintos Arquivo Regional da Madeira, Biblioteca Pública Regional e Biblioteca de Culturas Estrangeiras. Integra ainda os fundos bibliográficos disponíveis nas bibliotecas e centros de documentação da Região, no âmbito do projeto cooperativo Catálogo Coletivo Bibliotecas da Madeira (CCBM).

A plataforma de pesquisa de arquivos possibilita o acesso à base de dados geral de descrições arquivísticas do ABM e respetivas representações digitais. Agrega informação até aqui dispersa em bases de dados específicas, como as bases de dados de registos de casamentos e batismos, entre outras. Recentemente, foi atualizada com um volume considerável de fotografias, provenientes do riquíssimo acervo do Museu de Fotografia da Madeira – Atelier Vicente’s.

Pesquisar nas plataformas de arquivo e biblioteca.

O acesso às espécies bibliográficas, disponível na página institucional do ABM https://biblioteca-abm.madeira.gov.pt/ permite a pesquisa de monografias por autor, título ou assunto. Nesta fase, incentivamos à reserva dos livros por email, através do nosso serviço de referência: referencia.biblioteca.srtc@madeira.gov.pt ou do telefone 291 708 400. Na plataforma, também é possível consultar os nossos jornais e revistas onde se inclui, por exemplo, a coleção completa do Diário de Notícias do Funchal. Recentemente, foi criado um tutorial para facilitar a exploração do catálogo, disponível tanto na página institucional como no nosso Facebook.

Para aceder aos documentos de arquivo, dos quais destacamos fundos municipais que remontam ao séc. XV, fundos paroquiais, arquivos privados ou fundos fotográficos, basta recorrer à plataforma dedicada aos arquivos, em https://abm.madeira.gov.pt/pt/acesso-aos-documentos/arquivos/. Aqui, a pesquisa pode ser simples ou avançada, filtrando por datas, fundos ou coleções ou apenas registos com representações digitais, entre muitos outros parâmetros de pesquisa avançada.

Futuramente, retomaremos as formações de utilizadores, dirigidas ao público universitário, nas quais vos indicamos as melhores formas de conhecer e explorar o nosso acervo. Até lá, bom trabalho!

Natércia Gouveia
Arquivo e Biblioteca da Madeira

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA