Saïdia em Marrocos

É a chamada Pérola Azul de Marrocos. Pertence à província de Berkane, no extremo Este daquele país, e a sua praia é banhada pelo Mar Mediterrâneo.

Se em tempos foi quase uma cidade fantasma, desde 2003, Saïdia está a ser alvo de um revolucionário projecto hoteleiro (cuja primeira fase foi inaugurada em 2009 pelo rei Mohammed VI) que pretende aumentar o número de camas e atrair cada vez mais turismo.

Nos hotéis, e mesmo pelas ruelas desta região fronteiriça com a Argélia, a segurança e o zelo pelos que visitam Saïdia é uma missão primordial. Aliado a este cuidado, impera a simpatia e a hospitalidade dos marroquinos, muitos já a falar português para melhor receber os nossos conterrâneos.

A descoberta deste lugar leva-nos à exploração da marina local, aos passeios de dromedário na praia, à feitura de tatuagens típicas e temporárias com henna natural, à degustação do tradicional chá de hortelã ou dos bem condimentados pratos locais, e, ainda, ao experimentar do óleo de argão e dos seus derivados.

Paralelamente é quase obrigatório visitar Oujda, a cidade ao lado, ou Nador, de onde se conseguem ver três ilhas espanholas, sítios onde a rotina marroquina é bem patente e nas quais os estilos conservador e moderno se cruzam.

Se pensa que há qualquer problema com o estilo europeu, com a religião, com as roupas que se usam ou com os nossos hábitos, desengane-se! Se há coisa que os muçulmanos e os marroquinos, em geral, praticam, é, sem dúvida, o respeito pelo outro.

Vera Duarte
Alumnus

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA