Obra de antigo estudante da UMa no Monte Palace

"Mil e um quebra-mares", obra inspirada nas enxurradas de 20 de fevereiro de 2010, é uma instalação do madeirense Ricardo Barbeito que integra a exposição do Monte Palace.

O Jardim Tropical do Monte Palace Madeira recebe a obra “Mil e um quebra-mares” uma instalação composta por tetrápodes de quebra-mar e inspirados na imundações e deslizamentos que causaram grandes danos na Madeira e criaram grandes depósitos aluvionares em 20 de fevereiro de 2010.

Ricardo Barbeito já havia realizado outras intervenções com tetrápodes expostas no MUDAS.Museu de Arte Contemporânea da Madeira e o Museu de História Natural do Funchal.

Antigo estudante da UMa, o artista é licenciado em Artes Plásticas e mestre em Arte e Património, e mais recentemente colaborou com a Direção Regional do Ambiente e Alterações Climáticas na realização de EM DERIVA, uma mostra de lixo marinho recolhido nos mares circulares da Madeira, no âmbito do projeto CleanAtlantic, em exposição no Madeira Shopping.

Carlos Diogo Pereira
ET AL.
Com fotografia de Julio Wolf.

DESTAQUES