Às portas da Europa

“A vida de Paco (Fernando Alves Pinto Paco), um jovem estudante de São Paulo, Brasil, desmorona-se com a morte da mãe e o fim de um sonho de ser attor. Anos 90. Sem perspetiva de vida num Brasil tomado pelo caos em plena era Collor, Paco decide […] levar um objeto contrabandeado para Lisboa. Lá, conhece Alex (Fernanda Torres), o amor e o perigo da morte…”

Chegados a Portugal, às portas da Europa os emigrantes brasileiros deparam-se com novo horizonte. Vem-lhes à cabeça perguntas como “Porque estou aqui?” ou “Qual é o meu objetivo?”. Os nossos protagonistas irão lembrar-se das suas vidas no Brasil, o porquê de saírem, de trazerem consigo a tal encomenda especial. É neste contexto que iremos viver com eles estas mudanças, estas perguntas, enquanto somos bombardeados com imagens espetaculares.

Filmado entre o Brasil e Portugal, Terra Estrangeira é hoje considerado um dos 100 melhores filmes brasileiros. Misturando o thriller, o road movie e um romantismo à flor da pele, tornou-se num filme de culto pela liberdade da sua narrativa e originalidade das suas imagens. Uma das primeiras obras de Walter Salles com Daniela Thomas, tem no elenco Fernanda TorresAlexandre BorgesTchéky Karyo e os portugueses João Lagarto e Miguel Guilherme, entre outros.

Terra Estrangeira é uma sugestão do Screenings Funchal, numa parceria com os Cinemas NOS e com o apoio da ACADÉMICA DA MADEIRA, para sexta e sábado, 23 e 24 de setembro. O cliente NOS, portador do seu cartão, se acompanhado, tem direito a dois bilhetes pelo preço de um. Se for sozinho, ao comprar o seu bilhete de cinema, tem a oferta de um menu pequeno de pipocas e bebida. Vamos aproveitar estas vantagens com mais um momento de grande cinema que o Screenings Funchal proporciona.

No excerto da prévia, que poderá também assistir em registo videográfico, somos transportados para a mensagem integral do filme, inicialmente enigmática, Mas, à medida que a obra se descortina, torna-se cada vez mais claro o propósito das personagens perdidas de si: “Isto aqui não é sítio para encontrar ninguém, isto é uma terra de gente que partiu para o mar. É o lugar ideal para perder alguém, ou para se perder de si próprio.”

Um filme de culto que não vai querer perder. Confira isto e muito mais no portal do Screenings Funchal, e fique-se por uma visão mais realista do que aqui lhe contamos, através da antevisão.

Alexandre Freitas
ET AL.
Com fotograma do filme realizado por Daniela Thomas e Walter Salles.

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA