A GRADUAÇÃO mais participada de sempre

As cerimónias de GRADUAÇÃO de 2022 acontecem no sábado, 9 de julho de 2022, integradas nas celebrações que a ACADÉMICA DA MADEIRA organiza para todos os estudantes e antigos estudantes da UMa.

A ACADÉMICA DA MADEIRA divulgou que as cerimónias de GRADUAÇÃO de 2022 serão as mais participadas desde o estabelecimento do CARUNCHO, a designação que as festividades de final de curso recebem na Madeira desde os anos 90. Estão inscritos mais de 400 estudantes, desde os cursos profissionais até aos cursos de doutoramento. A ACADÉMICA DA MADEIRA espera receber quase 3 mil convidados no The Ballroom do Savoy Palace, a maior sala de congressos e conferências de toda a ilha.

Em função da procura inédita pela cerimónia, potencializada pela ausência do evento nos últimos dois anos e pela nova configuração que a organização deu, o evento acontece na parte da manhã e na parte da tarde, sendo que os finalistas estão divididos por faculdades e escolas superiores.

A ACADÉMICA DA MADEIRA já divulgou a divisão. Na parte da manhã, o The Ballroom receberá os estudantes da Faculdade de Ciências Exatas e da Engenharia da UMa, da Faculdade de Ciências Sociais da UMa, do Pólo da Madeira da Universidade Aberta e da Escola Superior de Enfermagem de São José de Cluny. Na parte da tarde, a sala acolhe os finalistas da Faculdade de Artes e Humanidades da UMa, da Faculdade de Ciências da Vida da UMa, da Escola Superior de Tecnologias e Gestão da UMa e da Escola Superior de Saúde da UMa. A relação detalhada de cursos e um conjunto de perguntas e respostas podem ser consultados no portal da ACADÉMICA DA MADEIRA.

A entrega de convites a todos os participantes, a integração da missa da Bênção das Fitas no mesmo local, a entrega de diplomas personalizados, a atuação dos FATUM, o grupo de fados da ACADÉMICA DA MADEIRA e um momento musical surpresa são apenas algumas das novidades que a organização divulgou para o dia 9 de julho. Na noite desse dia a discoteca Copacabana recebe o tradicional Baile de Finalistas, a partir das 23:00.

CARUNCHO?

Porquê CARUNCHO para designar o período de festividades académicas que celebram o final do curso e do ano académico? A explicação foi dada em 1996, por Orlando Vasco Oliveira, no jornal da ACADÉMICA DA MADEIRA: “o caruncho é o aluno que, ao longo do curso ‘rói’ os livros e cadernos, desgastados, quer seja pelo estudo ou pelo passar dos livros e cadernos, chegando ao fim do curso com o canudo numa mão e o título de dr. na outra, em abreviatura, é claro. Completa-se assim um ciclo académico, que terá de ser necessariamente regenerado, em prol das gerações”.

Carlos Diogo Pereira
ET AL.
Com fotografia de Pedro Pessoa.

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA