Em Português Escorreito

1. O céu vai estar muito …….

nebulado / nuvelado / nevulado / nublado /

SOLUÇÃO
O céu vai estar muito nublado.

EXPLICAÇÃO
A evolução a partir do Latim “nubes” ou “nubis,is” (nuvem) permitiu que se formassem vários radicais. Se se mantém uma grafia semelhante à do original latino, considera-se haver um “radical culto”.

Se houve alguma pequena alteração gráfica, tratar-se-á de um “radical semiculto”. Se se regista um afastamento da forma latina original, com várias alterações derivadas de fenómenos fonéticas, falar-se-á de um “radical vulgar”. Esta informação – exemplificada com algum léxico e com a indicação dos séculos em que se regista a primeira ocorrência – figura, nomeadamente, no Dicionário Eletrônico da Língua Portuguesa Houaiss, editado no Brasil, para vocábulos formados a partir de “nub-”, com o sentido de “nuvem”: 1) radical vulgar nuv- (século XIII): anuviação, anuviado, anuviador, anuviamento, anuviar; desanuvear/desanuviar, desanuviação, desanuviado, desanuviador, desanuviamento, desanuviante, desanuviativo, desanuviável; nuvarrão, nuveado, nuvem, nuvens-castelas, núveo, nuverinhar, nuvioso, nuvol, nuvrado, nuvre, nuvrejão, nuvrezia; 2) radical vulgar nubl- (século XIII): desnublado, desnublar; nublado, nublar (< lat. nubilare), nublina, nubloso (< lat. nubilosus); 3) radical culto nubi- (século XVII): nubicogo, nubífero, nubiforme, nubífugo, nubígena, nubígeno; 4) radical culto nubil- (século XVIII): nubilar, nubilário, núbilo, nubiloso; obnubilação, obnubilado, obnubilador, obnubilante, obnubilar, obnubilável; 5) radical semiculto nubel- (século XIX): nubelar, nubelosidade, nubeloso; 6) radical culto nubecul- (século XIX): nubécula (< lat. nubecula ‘nuvenzinha’, dim. de nubes), nubeculária, nubecularíneo. Fica, então, claro que “nublado” se formou a partir do radical vulgar nubl-, sendo o particípio passado do verbo nublar. A formação do grupo consonântico “bl” terá resultado da queda (síncope) de uma vogal. 2. A ……. perturba a condução, originando muitos acidentes.

nubulosidade / nebulosidade / neblusidade / nublosidade

SOLUÇÃO
A nebulosidade perturba a condução, originando muitos acidentes.

EXPLICAÇÃO
Quanto a “nebulosidade”, que, aparentemente, não corresponde a nenhum dos seis radicais apresentados e formados com “nubis,is” (nuvem), só poderá ter outra origem. Ainda no Dicionário Houaiss, esclarece-se que deriva de Latim “nebulositas,atis” com a significação de “obscuridade”, remetendo para o elemento de composição “nebul(i)-”. Este é proveniente do Latim “nebula,ae” com a significação de “névoa, nevoeiro, cerração, vapor” e também “nuvem”. Concluindo, “nublado” formou-se a partir de “nubis,is” (nuvem) e “nebulosidade” teve origem em “nebula,ae” (névoa). A diferença entre “nuvem” e “névoa” é mínima, já que esta última, que forma o “nevoeiro”, estará mais próxima da superfície terrestre, impedindo a visibilidade.

Portanto, “nublado” e “nebulosidade” têm origens diferentes e significados distintos, apesar de se ligarem ambos a “nuvem”. A relação entre eles, incluindo entre “nubelosidade” (ou “nubeloso”) e “nebulosidade” (ou “nebuloso”) mereceria um aprofundamento da temática, que não cabe, aqui, fazer.

Helena Rebelo
Linguista e Docente da UMa

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA