UMajuda de regresso aos bancos de escola

O projecto de cariz social que se realiza todos os anos, da responsabilidade da Associação Académica da UMa tem por nome UMajuda. Contamos já com 8 edições, tendo como principal objectivo auxiliar as escolas, que mais necessitam, a enriquecer as suas bibliotecas e ludotecas. É esse o objectivo que norteia a missão dos estudantes responsáveis pelo projecto tendo em conta que lutam por um ensino de qualidade começando essa mesma luta com os colegas mais pequenos e que, um dia, estarão na UMa.

O essencial foi angariar o máximo possível de donativos, como cadernos, livros didácticos, material de desenho, material de desporto, entre outro material que é necessário para um ensino de qualidade. Este projecto é um perfeito exemplo de solidariedade e preocupação social entre os jovens universitários, funcionários docentes e não docentes e demais comunidade.

As escolas que a Direcção Regional da Educação indicou, entre muitas outras, foram a EB1/PE do Faial, a EB1/PE da Nazaré e a EB1 de São Gonçalo. Contudo, não nos podemos esquecer que, ao longo de sete anos de existência, já foram contempladas 15 escolas, os Sem-abrigo, o Banco Alimentar, a Camada Sénior do Funchal, a Spad e outras instituições. Este ano, porém, dedicou-se especial atenção às escolas sendo o único beneficiário quer das doações quer do que seja preparado para marcar a entrega do que foi angariado.

Apesar de enfrentarmos tempos difíceis é importante que os estudantes, docentes e funcionários não fiquem alheios e contribuam, divulguem e fiquem atentos ao UMajuda.

A entrega de donativos decorreu até 25 de Novembro. Alguns estudantes, ainda no âmbito da praxe, organizaram-se e exposeram o projecto e a angariar mais voluntários indo às salas de aulas. Outros recolheram verbas monetárias para adquirir os materiais em falta, outros estabeleceram contactos com empresas que, com interesse em contribuirem, outros, ainda, prepararam-se para uma surpresa a ter lugar no dia da entrega dos donativos: são eles o grupo de teatro do Departamento da Pastoral do Ensino Superior e a Tuna Masculina da Universidade da Madeira, grupo que acompanha este projecto desde o seu início.

O apelo foi lançado uma vez mais. Os estudantes da Universidade da Madeira voltaram a ajudar e a manter o projecto, nascido há 7 anos, pois frequentar o Ensino Superior não é apenas assistir a aulas, fazer testes e trabalhos, mas também estar atento e agir tendo em conta o que nos rodeia. A UMa é uma escola de vida, não só profissional como também pessoal. É com esse mote que a AAUMa voltou a desafiar todos aqueles que se mantêm atentos e proactivos perante as situações reais do quotidiano.

Obrigado por ajudar-nos a ajudar.

Rui Martins
Estudante da UMa

OS NOSSOS PARCEIROS
A NOSSA EQUIPA